Inclusão Digital

Relações Estratégicas com a Sociedade

Energias Renováveis

Notícias da SEAE

21/09/2017

Richa e ministro entregam residencial com 2.089 moradias em Cascavel

O governador Beto Richa e o ministro das Cidades, Bruno Araújo, entregaram nesta quinta-feira (21) as chaves da casa própria para 2.089 famílias de Cascavel, no Oeste do Paraná. Elas vão morar no Residencial Jardim Riviera, um dos maiores empreendimentos habitacionais do Brasil. Também participaram da inauguração o presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi, e o presidente da Cohapar, Abelardo Lupion.

São 269 casas e 1.820 apartamentos para famílias com renda mensal de até R$ 1,8 mil. As novas moradias vão abrigar cerca de 8 mil pessoas, população igual ou maior que a de 170 municípios do Paraná. O investimento chega a R$ 148 milhões, feito pelo Governo do Estado e Governo Federal, além da prefeitura.

Para atender as demandas dos novos moradores, a região ganhou uma escola municipal, dois centros municipais de educação infantil, uma unidade básica de saúde, um Centro de Referência da Assistência Social (Cras), além de parque ambiental com salão social, pista de caminhada, quadra poliesportiva e academia da terceira idade.

Richa ressaltou que a inauguração do residencial é resultado da boa parceria com a União e o município. “A parceria com o governo federal, que agora se afina, é de respeito, de trabalho, e beneficia todos os municípios do Paraná. Este grandioso conjunto habitacional de Cascavel é um exemplo pela qualidade do empreendimento, pelos equipamentos comunitários e sociais”, disse ele.

O governador também fez um balanço das ações na área de habitação no Estado, que atendem 105 mil famílias com novas casas, urbanização e regularização fundiária. “Estamos realizando esse sonho para milhares de paranaenses”, afirmou, lembrando que algumas famílias aguardaram por décadas pela casa própria.

Para viabilizar as obras do Residencial Jardim Riviera e reduzir os custos de financiamento pagos pelos moradores, o governo estadual fez um aporte de R$ 3 mil por imóvel, por meio da Cohapar. A Sanepar e a Copel fizeram instalação subsidiada de energia e saneamento. Com estes benefícios, as famílias pagarão prestações que vão de R$ 80 a no máximo R$ 270 ao mês, durante 10 anos.

PARANÁ TEM DIFERENCIAL – O presidente da Caixa, Gilberto Occhi, destacou essa atuação do Paraná na área habitacional. “O Paraná tem um diferencial. Poucos são os estados, cito o Paraná, Goiás, São Paulo, que apoiam o programa habitacional, em que o Governo do Estado entra com dinheiro, além das obras. A companhia de saneamento água e esgoto tratado”, afirmou Occhi.

“O Paraná, além disso, coloca recurso para cada unidade, para complementar e ajudar a pagar o custo de um empreendimento habitacional. São poucos os que apoiam dessa forma ou que tem capacidade de pegar parte do orçamento do Estado para investir e apoiar a construção de empreendimentos habitacionais”, afirmou. “Em Cascavel temos um grande exemplo de união.”

MODELO - O ministro Bruno Araújo disse que o novo conjunto habitacional serve como modelo no Brasil em planejamento e execução. “Foi construído de forma muito diferenciada, com muito planejamento e, sobretudo, com qualidade. Temos combatido muito a baixa qualidade de empreendimentos habitacionais e este Jardim Riviera serve de modelo, vem ao encontro do que estamos buscando”, ressaltou o ministro.

DAR AS MÃOS - O presidente da Cohapar também ressaltou a importância do trabalho conjunto. “Entendemos que a parceria do Estado com o governo federal e com o município viabiliza qualquer tipo de obra. Temos que dar as mãos e entender que isso é respeito à população”, afirmou Lupion. Ele lembrou que subsídio de R$ 3 mil por unidade resultou em mais de R$ 6 milhões dentro do empreendimento.

MUNICÍPIO – O prefeito de Cascavel, Leonaldo Paranhos, ressaltou a participação do município. A prefeitura de Cascavel fez concurso para contratar 200 servidores que vão trabalhar na escola, nas creches, unidade de saúde e Cras. “Providenciamentos móveis e equipamentos para essas unidades. Teremos também três equipes de Programa de Saúde Familiar”, disse ele.

Paranhos destacou o papel das famílias, que segundo ele tiveram paciência de esperar, pois o empreendimento era para ser entregue em dezembro do ano passado. “Elas foram até motivadas a fazer invasão, mas tiveram paciência, dialogaram e hoje estamos entregando o residencial.”

PRESENÇAS – Participaram da inauguração o secretário de Estado da Infraestrutura e Logística, José Richa Filho; secretário especial de Assuntos Estratégicos, Edgar Bueno; o presidente da Sanepar, Mounir Chaowiche; os deputados federais Alfredo Kaefer, Silveira Sperafico, e Nelson Padovani; os deputados estaduais André Bueno, Rubens Recalcatti e Adelino Ribeiro.

BOX

Famílias ficam aliviadas pelo fim do aluguel

Joares da Silva, 40, que trabalha na área ambiental, vai morar no Jardim Riviera com a esposa Adriana Cláudia, 25, e a filha de 4 anos, Yasmin. "É uma vitória", conta Adriana. A família morava de favor no terreno de um tio. “É muito bom morar no que é nosso. Minha filha vai ter o cantinho dela como quer, é um presente para ela", disse.

A família vai pagar R$ 237,00 de financiamento e já tem planos para aumentar a casa. "Seria praticamente impossível ter uma casa própria sem o apoio do programa do governo”, disse Joares.

Para a dona de casa Maria Elisa, 46, é um alívio não precisar mais pagar o aluguel, de R$550,00. "Agora sou proprietária e estou muito feliz por isso. Sair do aluguel é muito bom, penso em investir em alguma coisa com o dinheiro que sobra", disse.

Com prestação de apenas R$88,00 por mês, ela vai morar em um dos apartamentos do Residencial com os filhos Victor Gabriel, 6, e Junior, 22, e a nora Lunara, 19 anos.

Fonte: http://www.aen.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=95533&tit=Richa-e-ministro-entregam-residencial-com-2.089-moradias

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.