Inclusão Digital

Relações Estratégicas com a Sociedade

Energias Renováveis

Mensagem do Secretário para Assuntos Estratégicos

Flavio ArnsA área da Saúde Mental merece a dedicação de todos os setores do nosso governo. Por ser um campo transversal, deve contar com a articulação e potencialização de serviços/programas sociais, educacionais, de cidadania e direitos humanos, dentre outros. Essa transversalidade ficou ainda mais evidente com os avanços da Reforma Psiquiátrica Brasileira, que produziu novas formas de cuidados e, com isso, novos desafios.

Por esta razão, e por acreditar na importância do trabalho articulado, mediado pelo companheirismo e pelo diálogo, é que vimos trabalhando na sistematização desta forma de intervir, onde várias Secretarias Estaduais, além de possuírem suas metas de trabalho, possuem ações articuladas entre si.

Hoje o Paraná já desenvolve ações importantes na área de saúde mental, principalmente por meio dos municípios que implantaram serviços da rede extra-hospitalar. A Secretaria de Estado da Saúde, por meio da Divisão de Saúde Mental, em seu papel regulador, tem a incumbência de estimular a criação de políticas municipais em consonância com a Reforma Psiquiátrica, articular as negociações regionalizadas, fiscalizar e oferecer suporte técnico às equipes para a construção de uma rede de atenção integral em saúde mental, álcool e outras drogas.

A Educação, pasta que estou acompanhando com proximidade como Secretário de Educação do Estado, vem promovendo programas escolares para habilitar os alunos, independentemente do grau de dificuldades, para a independência pessoal e para a convivência familiar e social.

Na promoção humana, intensificamos ações e programas, principalmente por meio dos CRAS – Centro de Referência em Assistência Social e dos CREAS – Centro de Referência Especializado em Assistência Social, sob a responsabilidade da Secretaria da Família e Desenvolvimento Social que, juntamente com a Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos assumem o grande objetivo de promover e construir efetivamente a cidadania e oferecendo, quando necessário, os benefícios sociais que assegurarão a qualidade de vida, independente de qualquer situação.

Há muito a fazer! Precisamos trabalhar juntos para que se efetivem recursos de qualidade, que hajam estratégias de prevenção e do atendimento daqueles se encontram ou que, por fragilidades, possam sofrer mentalmente.

Nesse sentido, o Governo do Estado do Paraná inova e cria um Comitê Gestor Intersecretarial de Saúde Mental que estuda e articula as ações da área da Saúde Mental, formando uma rede de corresponsabilidades e atenção.

Que este novo tempo e que este espaço possa nos auxiliar a atingir nossos objetivos, promovendo a rapidez e a eficiência das intervenções. Que todos os envolvidos com a área e os que desejam obter informações se utilizem deste dispositivo e cresçam em comunidade.

Um grande abraço,

Flávio Arns
Secretário para Assuntos Estratégicos
 
 
 


 
Recomendar esta página via e-mail: